quarta-feira, março 23, 2005

ReEvolução Kultural

CAPITULO I

Kultura, é um palavra bnit, ma el é um verdaderâ bosta(desculpa_me ess expressao kes burro é k ta fazel), konde bô ta oia ke bo paìs ta vivé num verdadeira TIRANIA KULTURAL, ja tem mais de 20 anos, dominode pa um quadrilha de pseudo_intelectuais, ditos senhores de sabedoria de nôs nação, e que nô ta atravessa um momente de grande estagnaçao de produtividade kultural(segundo alguns), ondé k kem ta tra proveito, é um meia duzia de sempre, e que esh ta refugia na mesma desculpa de sempre, « que ka tem nada de novo », sem ninguém desconfia de ses manobra.

Um paradoxo : nô ta vive na democracia ja tem uns tempos, ma democracia, ka tchegà na nôs cultura, e el ta bem dura ness mesmo estado por mais um bom tempo, a não ser que parce algum «grupo terrorista cultural » pa minà ess sistema de amigagem e elitismo de nôs Kultura, el precisa dum verdadeira REEVOLUçÃO (revolução+evolução), porque senão, nô ta bem ter kës mesmo gente , na kës mesmo lugar, por mais uns bons tempo.

Exemplo flagrante a nivel musical , ess promoçao de zoukalhada e derivados, que nô tem( na nos televisão e radios) el ka tem mais beneficiario do ke ses promotores e companhia, e mais kel cambada de parvos é ke ta fazel pa ganha denher, sem nenhum sentimente, sem nenhum amor a nôs unico riqueza : nôs kultura(ma kel seja kel de nôs).

Um verdadeira formatação cerebral, que nô ta ser fet , sem faze um minimo pa contrarià ess cambada de pseudo_intelectuais, que tem ses continha feito ja tem tcheu temp.Gente que cerebro e inteligençia ka ta falta na terra, ma tambe sem escrupulo e aproveitadores tem tcheu li pa nôs banda.Por isso, ess é um apelo pa tude kem krê contrarià ess dita estagnaçao, e ess aproveitamente de nôs kultura pa esh tiranos e gente k tras de $$$$.

Nimguém é obrigode a segui mesma linha de ses antepassode, e tcha tude na mesma , se no ka ta aceita, nô dze sem medo o k no ta pensa, e nô faze sem medo akilo k no kre faze pa um verdadeira kultura caboverdiana.Nem tude o kês pobe na prote bô é obrigode a cmel, bo pode cuspil, se bo ka ta gosta.

Ja tchegà temp de no dze : BASTA DE BOSTA

Assinado :ARU TLUK, aka Dom Bilau III